O Batalhão de Policiamento Rodoviário da Polícia Militar (BPRv-PMPA) vem intensificando suas ações na rodovia PA-151, no nordeste do estado. A via é utilizada principalmente para ligar a capital Belém a Cametá, passando por diversos outros município da região. Contudo, a ação de bandidos vem assustando os viajantes que trafegam na rota, o que tem feito a PM aumentar seus esforços.

Nesta quarta-feira (12), uma micro-ônibus que faz viagem para de Igarapé-Miri para Cametá foi sequestrado por bandidos e levado para um ramal, onde os assaltantes roubaram todos os passageiros. Moradores e viajantes reclamam da violência na área, que usariam pedaços de madeira com pregos (como o da foto acima) para para veículos e realizar os assaltos.

Segundo o tenente-coronel Araújo, comandante do BPRv, é necessário estreitar ainda mais a relação da polícia rodoviária com os batalhões dos municípios, algo que já vem sendo feito na tentativa de combater e reprimir o crime nas margens da rodovia. “É uma região complicada de agir, por causa de ramais e áreas de mata onde os criminosos podem se esconder. Mesmo assim, nosso trabalho na área é constante. Há cerca de três meses o BPRv tem uma nova sede em Igarapé-Miri e todo dia fazemos operações, prendendo foragidos da Justiça, assaltantes ou traficantes de drogas na rodovia”, disse o tenente-coronel Araújo.

A mesma preocupação é divida pelo tenente-coronel Costa Vale, subcomandante de Policiamento Regional IX de Abaetetuba. O militar concorda que a geografia da área ajuda na atuação de criminosos, mas isso não impede a polícia de agir. “Neste momento, o Grupamento Tático de Igarapé-Miri já está na área em uma operação para tentar capturar os envolvidos nesse crime e em outros. Há muitos ramais, rios e rota de fuga para os criminosos, mas fazemos  tudo que podemos para coibir, com o apoio do BPRv”, disse o subcomandante.

Por: Orm

Foto: Reprodução

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here