A BARRAGEM DA HYDRO EM PARAGOMINAS É A QUARTA MAIOR DO PAÍS. A DE BRUMADINHO (mg) ESTAVA EM DÉCIMO LUGAR.

AlunorteFoto Joao Ramid Norsk Hydro ASA Divulgacao 2013 1024x683 - Curtíssimas do Jorge Quadros, segunda-feira (04)
Hydro Alunorte Correia de bauxita: Photo: João Ramid/Norsk Hydro ASA 2013 – “Leia links de publicações importantes sobre a Mineradora Hydro em Paragominas que é quase o dobro do tamanho da que rompeu em Brumadinho. A barragem de Paragominas é a quarta maior do país”.

INTERAGINDO 

O prefeito de Paragominas, Paulinho Tocantins (PSDB) surpreendeu mais uma vez ao participar de grupos de WhatsApp e responder aos questionamentos dos internautas. É novidade porque, que a gente saiba, nesta região nenhum prefeito teve ainda esta coragem. A não ser em grupos privados ou corporativos.

ANTES

A vice-prefeita Mozimeire já tinha tentado há pelo menos uns dois anos participar das redes sociais, mas depois se desligou dos grupos porque as cobranças, inevitavelmente, tiraram-lhe o sono dos gestores. Mas com paciência e determinação, as coisas vão se organizando e é claro, quem não está na ‘rede’ está fadado à caminhar para trás.

ASSALTOS

Os assaltos à ônibus interestaduais continuam preocupando quem precisa viajar, principalmente para a capital do Estado. O assalto com mortes dos assaltantes em ônibus que vinha de Belém para Paragominas dias atrás pode até ter sido vitoriosa para a polícia, mas causa um trauma terrível nos passageiros. Enquanto muito se conversa, os projetos de recriminação não saem mesmo do papel.

BLOQUEIO

Moradores das comunidades rurais Oriente e Beira Rio ameaçaram e fizeram o bloqueio da PA 256. A reintegração de posse garantida pela justiça culminou com a revolta dos moradores. As comunidades se formaram na área de litígio há muitos anos e agora terão que sair por ordem judicial.

MORTES

Por aqui é assim… tempos de paz e tempos de mortes. O corpo de um professor da zona rural encontrado próximo à PA 125. Ontem,  um homem assassinado à tiros no bairro Jardim Atlêntico. Um empresário de Paragominas assassinado à tiros em Canaã (Distrito de Ipixuna do Pará). Realmente a situação está complicada nos últimos dias.

PFC

O Paragominas Futebol Clube perdeu para o Águia de Marabá, por dois tentos à um. Apesar da semana ter sido complicada para os jogadores por falta de pagamento, o jogo foi de ‘igual para igual’ e o PFC ainda saiu na frente. Estamos na torcida para que a diretoria consiga sanar os problemas financeiros.

LEMBRAM?

No dia 20 de janeiro, em Paragominas, um homem forçou uma jovem a entrar em seu veículo e ainda a obrigou a fazer sexo com ele. Foi identificado e preso. A pergunta é: Quantas adolescentes estão sendo abusadas por alguns indivíduos que ficam à espreita em frente às escolas e que nunca foram observados? É só ficar de olho que muita gente ‘boa’ será identificada.

TAXÍMETRO

A lei é clara: LEI Nº 12.468, DE 26 DE AGOSTO DE 2011Art. 8o: Em Municípios com mais de 50.000 (cinquenta mil) habitantes é obrigatório o uso de taxímetro, anualmente auferido pelo órgão metrológico competente, conforme legislação em vigor. Mas, em Paragominas, os profissionais do volante querem adiar esta decisão que a Defensoria Pública do Estado diz que tem que ser cumprida principalmente porque a cidade já tem o dobro de população exigida na lei.

VOLANTE

Por isso, uma comissão formada por taxistas procurou a Câmara dias atrás para tentar ajuda para ‘adiar’ a implantação do taxímetro nos veículos. Já a Defensoria Pública acredita que na próxima reunião, marcada para março, os taxistas estejam mais acessíveis e que em um ano todos os táxis da cidade estejam utilizando o equipamento.

REGULAMENTAÇÃO

É importante ressaltar que esta mesma LEI Nº 12.468, DE 26 DE AGOSTO DE 2011 é a que regulamentou a profissão de taxista. Ou seja, no mesmo texto desta lei tem dois tópicos que chamam a atenção: o que regulamenta a profissão (ótimo), o que diz que tem que ter taxímetro (ruim). Pode isso Arnaldo?

SABIAM?

Segundo os relatórios de segurança de barragens da ANA (Agência Nacional de Águas), 24 acidentes com rompimentos de barragens foram registrados entre 2011 (primeiro ano do estudo) e 2017. Ainda não há informações oficiais sobre dados de 2018, mas pelo menos um incidente foi confirmado pela prefeitura de Paragominas (PA), com a morte de duas crianças…. – Veja mais em: https://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2019/02/03/brasil-registrou-65-mortes-em-9-incidentes-com-barragens-entre-2001-e-2018.htm?cmpid=copiaecola

VIRAM?

O recente desastre na barragem da Vale em Brumadinho, no Estado de Minas Gerais, levou pânico destoante com a calmaria das comunidades Cachoeira e Oriente, no município de Paragominas, sudeste do Pará. As comunidades estão localizadas a aproximadamente 20 km da mina da Hydro em Paragominas. As habitações são as mais próximas da empresa, reunindo cerca de 700 famílias. Segundo relatório da Agência Nacional de Águas (ANA), as quatro bacias de Paragominas (B1, B5, B6 e RP1) são categorizadas como de baixo risco, porém de alto dano ambiental associado. Leia Mais: https://www.oliberal.com/para/bauxita-explora%C3%A7%C3%A3o-de-jazidas-preocupa-fam%C3%ADlias-1.56133

LERAM?

Segundo matéria do jornal “O Globo” deste sábado, por exemplo, a barragem da mineradora norueguesa Norks Hydro em Paragominas – e sua subsidiária Mineração Paragominas -, armazena 21,1 milhões de metros cúbicos de rejeito de bauxita. É quase o dobro do tamanho da que rompeu em Brumadinho. A barragem de Paragominas é a quarta maior do país, no levantamento da Agência Nacional de Mineração (ANM) e apresenta “alto dano potencial associado”, conhecido no jargão mineralógico pela sigla DPA. VEJA MAIS: http://www.ver-o-fato.com.br/2019/02/duas-barragens-do-para-sao-maiores-que.html

ASSIMILARAM?

A mina de bauxita de Paragominas, localizada a 250 quilômetros de Belém, no Pará, é a terceira maior do mundo. Produz 10 milhões de toneladas anuais. Ao adquiri-la da Vale, em 2013, a norueguesa Norsk Hydro, a terceira maior fornecedora mundial de alumínio do mundo, garantiu para si um século de minério, a matéria prima para a transformação da rocha em metal. LEIA MAIS EM: http://amazoniareal.com.br/o-grande-projeto-e-os-pequenos/

 

 

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here