violencia contra a mulher 1024x683 - CURTÍSSIMAS DO JORGE QUADROS, SEXTA-FEIRA (25)
A Polícia Civil do Pará realizou, nesta quinta-feira (24), a operação Hera, para dar cumprimento a mandados decretados pela Justiça para prender indiciados por violência doméstica contra a mulher no interior do Pará. Sob coordenação da Diretoria de Polícia do Interior (DPI), a operação ocorreu de forma simultânea pelas 15 Delegacias da Mulher (Deams) no Estado. Ao todo, 29 prisões foram efetuadas (G1 Pará). Imagem: Reprodução

FECHADO

Não há nenhuma hipótese de Sidney Rosa (PSB) (que foi prefeito de Paragominas por oito anos, deputado estadual por oito anos e nesse ínterim, secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico), não ser candidato à prefeito novamente. Aliás, seus aliados políticos já pensam em indicar um candidato à vice em sua chapa.

ELEIÇÃO

As eleições municipais são no próximo ano e as articulações políticas começaram cedo. Até porque com a velocidade das informações quem chegar na frente ‘bebe água limpa primeiro’. Sidney, que disse anteriormente que pretende criar um grupo forte e coeso e incentivar à todos para a criação de um projeto de desenvolvimento para os próximos 20 anos, está numa situação, digamos, bem melhor que os possíveis adversários pois tem em seu currículo como o homem que iniciou a transformação da cidade no que hoje ela representa para o Estado e para o País.

MAS…

Quem seriam seus prováveis adversários? Pelo que se tem de informação ainda que de forma bastante sutil, existem inúmeras probabilidades de que sejam políticos em cargos públicos e, pelo menos, dois empresários. No entanto, é possível também que tenhamos candidatos do meio sindical, como nas eleições anteriores.

PAULINHO

Como o prefeito Paulinho Tocantins (PSDB) está encerrando seu mandato, deve ficar apenas observando o desenrolar dos acontecimentos nos próximos meses. O natural seria que a indicação do ‘seu candidato’ fosse sua vice-prefeita, Dra. Mozimeire. Que, como aconteceu nas administrações anteriores, ou seja, seguindo o mesmo rito, começa a assumir rotineiramente o comando do município.

GRUPO

A longevidade do grupo administrativo atual, no poder, é o principal empecilho das próximas eleições. Muita gente não mais admite que o grupo tucano se perpetue na administração municipal. Mas também não quer que ‘qualquer um assuma o comando do município’ e coloque tudo a perder, ou não ( como diria Caetano). Por isso, Sidney ainda tem a preferência do eleitorado.

ADNAN

Embora não tenha assumido publicamente que poderá ser candidato a prefeito em Paragominas, o ex-prefeito e ex-secretário de estado Adnan Demachki continua ‘mais do que vivo’ na política. Ultimamente está concedendo palestras em vários municípios do Pará e sempre muito bem prestigiado. Força política ele tem de sobra e, se resolver voltar à Paragominas para uma possível candidatura, o que muita gente não acredita, dará muito trabalho aos seus adversários.

ENTÃO…

O que muita gente não acredita é: o retorno de Adnan à uma possível candidatura, já que seus projetos se alargaram e agora o Estado o conhece ao ponto de querer utilizar sua enorme experiência devidamente comprovada. Uma candidatura de empresários sem chances de enfrentar nomes como o próprio Sidney e, que o grupo ‘comandante’ atual tenhas rachaduras se por acaso alguma pesquisa indique uma perda nas próximas eleições.

PFC

O Paragominas Futebol Clube começa o campeonato paraense de futebol profissional a todo vapor e já tem seis pontos na competição se tornando o líder isolado. Dois times de peso foram ‘mastigados’ pelo Jacaré do Norte que está mostrando, com o perdão do trocadilho, muita garra. Diferente do ano anterior, quando se manteve na elite profissional com muita dificuldades, estas vitórias mantém a esperança de que a equipe vai fazer ‘bonito’ e que os torcedores devem voltar ao estádio.

NIVER

A festa de aniversário de Paragominas foi em altíssimo astral apesar de uma manifestação dos seguranças patrimoniais que, com faixas, demonstravam sua indignação sobre alguns assuntos pendentes com a administração. Porém, é de se ressaltar que em Paragominas, até as manifestações são diferenciadas de outros municípios. Parabéns a todos pela grandeza com que se conduz a liberdade de expressão e o direito de cidadania.

VIOLÊNCIA

A Polícia Civil realizou prisões em Paragominas e em várias outras cidades do Estado, de pessoas envolvidas em violência doméstica. Quem pensa que pode agredir sua companheira e ficar isento de punições, está redondamente enganado. A intenção dos órgãos de segurança pública e das entidades de defesa da Mulher é minimizar ao máximo o feminicídio.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here