Divulgação/Arquivo2gtvABNS - Depois de meses de espera, Belém recebe hoje, pela 1ª vez, o maior evento de MMA do mundo: o UFC

Enfim, chegou o grande dia do UFC Belém. Após meses de expectativa, o público paraense finalmente poderá curtir o maior evento de MMA do mundo. A luta principal será dos pesos-médios Lyoto Machida e Eryk Anders. Ainda há a participação dos paraenses Deiveson Figueiredo, Polyana Viana, Iuri Marajó, Douglas D’Silva e Michel Trator, que vai enfrentar Desmond Green pela categoria peso-leve no card principal. O evento será transmitido para todo o mundo e, no Brasil, será exibido pelo canal Combate (ORM Cabo).
É a primeira vez que o UFC é realizado no norte do País e aproximadamente 14 mil pessoas são esperadas na Arena Guilherme Paraense, conhecida como Mangueirinho, hoje à noite. Para que não haja imprevistos, foi montado um grande esquema de segurança para quem for assistir às lutas (confira os detalhes no infográfico).
A luta principal da noite será entre o baiano radicado no Pará Lyoto Machida e o norte-americano Eryk Anders. É a luta mais esperada da noite do UFC Belém. Lyoto possui muitos fãs tanto no Pará como no mundo. Ex-campeão do meio-pesado e 13ª no ranking do peso-médio, o atleta de 39 anos encara a luta de hoje como a chance de melhorar de posição.
Lyoto também quer reencontrar o caminho da vitória. Ele vem de três derrotas consecutivas no UFC e vencer em casa hoje à noite seria a volta por cima do “Dragão”. “Feliz com a oportunidade. Agora é manter a cabeça focada para soltar o jogo e celebrar o momento com todo o povo paraense e também brasileiro. Mas eu tenho que me cuidar também. Porque meu adversário é um cara duro, que vem de grandes vitórias e tenho que focar bem para fazer um bom trabalho, uma boa luta”, afirmou Lyoto Machida, que tem 22 vitórias e oito derrotas no cartel no MMA.

(O Liberal)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here