Em Fortaleza, uma bomba foi detonada em um viaduto e um centro de assistência social foi atacado. Esse é o 9º dia seguido de ataques, e já foram registradas 177 ações criminosas em 43 municípios do estado.

Desde o dia 02 de janeiro, o Ceará vem sofrendo uma série de ataques de criminosos a ônibus, prédios públicos, transportes escolares e da prefeitura. As ações são uma resposta a decisão do governo de aumentar o rigor nas vistórias dentro dos presídios e de acabar com a divisão de presos por facções.

O governador do Ceará, Camilo Santana, informou que chefes de facções crimosas foram transferidos do estado para presídios federais e que 277 suspeitos de participações nos ataques já foram presos.

 

 

 

Com informações de G1 Globo.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here