Tarso Sarraf979794078 - Preço do tomate dispara nas feiras e supermercados paraenses

O custo da alimentação dos paraenses continua entre os maiores do pais, em janeiro a cesta básica custou R$ 366,99 comprometendo na sua aquisição cerca de 42% do novo salário mínimo de R$ 954.
Segundo o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE-PA), depois de um período considerável de queda em 2017, a cesta básica dos paraenses voltou a subir fortemente no mês passado em relação a dezembro de 2017 com um reajuste de quase 3%.
A trajetória de preço do Kg do tomate consumido pelos paraenses, comercializados em feiras livres e supermercados da capital nos últimos 12 meses não foi uniforme. Em Janeiro de 2017, por exemplo, o preço do kg do tomate foi comercializado em média a R$ 4,17; em dezembro de 2017 já estava custando em média R$ 3,80.
Iniciou o ano de 2018 sendo comercializado em média a R$ 4,53 o kg. Com isso, o tomate apresentou uma alta no mês de janeiro de 19,21% e nos últimos 12 meses a alta acumulada alcançou 8,63% contra uma inflação calculada para o mesmo período de 1,87% (INPC/IBGE).
Como grande parte do tomate comercializado é importado de municípios vizinhos e também de outros estados, as mudança climáticas e a questão da sazonalidade do produto influenciaram decisivamente nesta situação de retomada de alta no preço do produto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here