thumb 1 3 300x129 - Trânsito de Paragominas será beneficiado após parceria com o Estado
ASCOM/PMP

O Governo do Estado juntamente com o Ministério Público vem promovendo reuniões a fim de debater sobre a municipalização das cidades pertencentes ao Pará. Todos os anos um encontro é feito para conhecer a fundo a importância e a dificuldade que os municípios têm.

Desta vez, um projeto está sendo estabelecido a fim de trazer novas melhorias para o trânsito da cidade, com implantação de novos semáforos, sinalização, e equipamentos eletrônicos, formando um conjunto de tecnologia eficaz para trazer mais segurança ao cidadão paragominense.

O superintendente da Secretaria Municipal de Trânsito e Cidadania (Semutran), Natanael Costa, falou sobre como estes novos investimentos serão de suma importância para o trânsito de Paragominas, “Esse conjunto de tecnologia vai ajudar a gente a agir diretamente no problema, por exemplo, tablet eletrônico, os agentes conseguiram fazer a checagem pelos tablets de forma mais rápida”, afirmou.

Outro investimento feito foi a instalação de um sistema OCR – Optical Character Recognition, que consiste no Reconhecimento Óptico de Caracteres – que faz a leitura das placas dos veículos, e em seguida apresenta todas as características em relação a documentação, que, segundo Natanael, será de suma importância para o dinamismo do trabalho dos agentes, “não vamos ficar parando todo tipo de veículo, vai ser de forma objetiva, em torno de dois segundos a informação cai nos celulares de todos os agentes da fiscalização. E todo e qualquer tipo de abordagem e ação vai direto para um dado estatístico para que a gente possa ter uma gestão melhor das nossas ações, sejam acidentes, infrações, restrições, etc”, disse.

Além de todas essas novas aquisições provenientes da parceria com o Estado, o município de Paragominas também irá implantar com investimentos próprios da Prefeitura, através da Semutran, um software que irá apresentar dados concretos no momento que acontecer alguma infração no trânsito ou acidente.

Com informações da ASCOM/PMP

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here