Totalmente ecológico o carvão do futuro chegará em Paragominas em pouco dias. (Foto: Jorge Quadros).

Em 2006, na cidade de Açailândia, no Maranhão, o inventor João Luiz de Souza Borges mostrou para todo o país que tinha encontrado a fórmula de um tipo de carvão totalmente ecológico que iria mudar a vida de muitas famílias. Borges, como gosta de ser chamado é aposentado da Vale e um defensor do meio ambiente que vive estudando fórmulas para proteger a natureza. “Demorei cerca de cinco anos fazendo os estudos para chegar à esta fórmula, que só aconteceu mesmo em 2006. Porém, apesar de ter sido amplamente divulgado, inclusive bem recentemente por autoridades do Estado do Maranhão que estiveram na Europa e levaram nosso carvão como um dos ícones de defesa do meio ambiente, agora que resolvemos comercializar no mercado local e regional”, disse Borges.

O carvão ecológico  já está patenteado e tem registro no Ibama sob o número 5770000.É um resíduo industrial de substância terrosa e fécula de mandioca. O ingrediente principal é o chamado “fino do carvão”, um pó de carvão vegetal abandonado pelas siderúrgicas no momento de carregar os fornos para a fabricação de ferro gusa. ¨Borges é reconhecido nacionalmente por este invento de grande importância e já tem contrato com grandes empresas que fazem a distribuição do carvão ecológico em alguns estados.

Perguntado sobre a durabilidade do carvão ecológico no momento da queima, Borges disse que: “A duração de queima é de quatro a seis horas. Para acender as brasas, nós também inventamos um acendedor chamado de ‘bio combustível sustentável’. Basta, então, acender o ‘bio combustível’ aceso entre o carvão e deixar lá por alguns minutos. Não é necessário abanar ou soprar, as brasas vão esquentando normalmente. É um fogo diferente, que dura várias horas, mas é sobretudo de uma temperatura acima da média”, concluiu o inventor.

Os empresários Tony Borges, João Borges (Inventor do Carvão Ecológico) e o jornalista Jorge Quadros fechando parceria para distribuição do Carvão em quatro estados.

Outro benefício do carvão ecológico, que tem mais de vinte anos no mercado é que após o uso, o resíduo pode ser utilizado em canteiros ou jardins pois é muito rico em calcário.

A distribuição e comercialização desta nova fase do Carvão Ecológico, ficará à cargo da empresa JORGEQUADROS.COM em todo o Pará, Maranhão, Piauí e tocantins. Os pacotes de carvão tem em média 3 kg e o valor inicial para revenda é de R$ 6,50.

As vantagens ao utilizar o carvão ecológico são que: produz menos fumaça, não solta fuligem (cinza) ecologicamente correto, queima 40% a 50% a mais que o vegetal, ideal para diversos ambientes, dura aproximadamente seis horas, não solta labaredas e é super econômico.

EM PARAGOMINAS

Como Paragominas é uma cidade modelo na questão ambiental em todo o Pará, o inventor Borges e o proprietário da empresa JORGEQUADROS.COM resolveram eleger a cidade como POLO DISTRIBUIDOR do produto em todo o Estado.

Nos próximos 15 dias o inventor Borges e o empresário e diretor da Rádio Marconi FM, Jorge Quadros, estarão em Paragominas levando o produto para que os empreendedores o conheçam e assim comecem a utilizar o Carvão Ecológico também na cidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui