Três estudantes da Escola de Ensino Médio Presidente Castelo Branco tiveram seu documentário classificado para participarem da fase regional da Olimpíada de Língua Portuguesa. A OLP 2019 tem abrangência nacional e está na sua 6ª edição. O trio formado pelos alunos Amanda Natália França Marques, Kaio Rodrigues Lima e Letícia de Lima Alvez, do 1º Ano C, produziu um documentário com o tema “Violência Contra a Mulher”. A professora Cássia Mendes foi a orientadora dessa turma e a ela também é devido o reconhecimento.

Com um enredo bem elaborado, imagens marcantes e música de forte apelo emocional, o documentário contextualiza a violência cometida contra mulheres no município de Paragominas e sensibiliza o expectador a denunciar esse tipo de crime. Para respaldar os dados, foi entrevistada a delegada Amanda Costa, da Delegacia Especial de Atenção à Mulher — DEAM.

Paragominas é um município cujos dados da violência contra a mulher, incluindo feminicídio, são preocupantes. Muitas vítimas de violência doméstica, pela falta de qualificação para o mercado de trabalho e ainda com filhos pequenos para cuidar, se veem reféns da situação por terem nos agressores a figura do mantenedor do lar. O documentário, portanto, é muito oportuno e evidencia a necessidade de políticas públicas que ofereçam uma alternativa digna às mulheres da nossa sociedade.

Assista ao documentário:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here