Em depoimento, Adriano Gomes contou que tinha ido buscar o material no Amazonas e trazia para a região oeste do Pará para ser comercializado.

preso com drogas juruti - Homem é preso em flagrante com mais de 27kg de oxi em Juruti; droga seria vendida em outros municípios
Adriano Barros Gomes foi preso transportando mais de 27 kg de entorpecentes — Foto: Polícia Militar de Juruti/Divulgação

Um homem de 32 anos foi preso em flagrante no porto de Juruti, no oeste do Pará, na manhã desta sexta-feira (29), durante fiscalização a uma embarcação que faz a linha Manaus (AM) – Oriximiná (PA), portando 27.600kg de uma substância aparentando ser pedra de oxi.

De acordo com a polícia Militar, o serviço de inteligência montou uma operação para interceptar Adriano Barros Gomes. À polícia, o homem disse que tinha ido buscar o entorpecente no estado do Amazonas e que o material seria entregue em outras cidades da região para comercialização.

Ainda segundo a PM, o combate ao tráfico de drogas em Juruti tem sido intenso. “Identificamos esse suspeito, e quando abordamos ele estava com 25 pacotes de entorpecentes, aparentemente oxi, informação que deve ser confirmada ainda pela perícia”, disse o capitão PM Vanderley Costa, que comandou a operação.

A Polícia Militar tem realizado operações de enfrentamento ao tráfico de drogas na região, a partir de denúncias anônimas e de informações levantadas pelo serviço de inteligência, com apreensão de quantidades significativas de entorpecentes no município de Juruti. Para o capitão Vanderley Costa, o trabalho ostensivo da PM tem sido positivo no combate à criminalidade.

“Nós tivemos um aumento de efetivo, então estamos com mais policiais nas ruas e o serviço de inteligência tem nos ajudo muito no sentido de monitorar e identificar essas pessoas que insistem em atuar no tráfico de drogas. É autoconfiança por já terem em algum momento conseguido passar com as drogas que faz com eles achem que nunca vão ser pegos. Mas nós estamos nas ruas, atentos e prontos a agir para tirar de circulação os criminosos e combater o tráfico na nossa região”, concluiu capitão Vanderley Costa.

Fonte: Sílvia Vieira/G1 Santarém/Márcio Garcia, de Oriximiná

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here