Um crime de feminicídio ceifou a vida de Patrícia do Socorro Nunes de Souza. A mulher foi morta a facadas pelo ex-marido, o entregador de lanches Raimundo Santos Tavares, de 39 anos, que não aceitava o fim do relacionamento. Minutos antes do crime, a vítima percebeu que estava sendo seguida pelo assassino e gravou um vídeo dele entrando no mesmo ônibus que ela.

Segundo informações preliminares, a gravação foi divulgada pela irmã de Patrícia. O crime aconteceu na manhã desta segunda-feira, 24, na Av. Pedro Álvares Cabral, no bairro da Marambaia. A vítima foi seguida desde quando saiu de sua residência, no Tenoné, para ir a uma consulta médica. Ela percebeu a ação logo quando Raimundo entrou coletivo e, imediatamente, ligou para familiares para avisar o ocorrido.

Para tentar se livrar do homem, a vítima desceu do ônibus na Marambaia e, em determinado momento, viu um conhecido em uma motocicleta. Patrícia o chamou para pedir carona até a casa de sua avó, que reside no bairro. Neste momento, ela foi surpreendida pelas costas por golpes de faca do ex-companheiro. As facadas atingiram o pescoço e as costas de Patrícia, que morreu no local.

Raimundo tentou fugir, mas se entregou por medo de ser linchado pela população. O feminicida foi apresentado na Seccional Urbana da Marambaia.

Portal Roma News

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here