Competição ocorrerá de 15 a 18 deste mês de novembro; Xandinha é favorita

Em junho deste ano, nas ondas mais pesadas do Brasil, na praia de Itacoatiara, Niterói (RJ), Xandinha participou da etapa estadual e ficou na quinta colocação. Ainda tiveram destaques no regional (UBBN), quando se sagrou campeã e ficou em primeiro lugar no individual (Musas/UBBN).

Apesar das dificuldades em participar dos campeonatos, Alexandra, de 34 anos, mãe de Moanna e Zyah, segue os treinos no distrito de Mosqueiro, na cidade de Salinópolis e nas praias do Rio de Janeiro, onde conta com um técnico.
“Não participei de duas etapas este ano por questões particulares, mas tenho o objetivo de uma boa colocação nesta etapa do Ceará, isso para começar bem o circuito brasileiro em 2019”, explica a atleta profissional, que também disputa etapas dos circuitos paulista e carioca.

Apoio – Para encarar os desafios de ser uma atleta profissional, Alexandra intensifica os treinos, mas tendo a família como o verdadeiro pano de fundo. “Eu agradeço muito por ter uma família que me apoia desde do início nas minhas decisões. Eles sabem o quanto o bodyboard representa na minha vida e para meu estado”, diz a atleta.

Bodyboard – Para quem ainda não conhece, a modalidade esportiva do bodyboard, criada na década de 1970, já fez despontar grandes nomes no Brasil e no mundo, como a apresentadora Glenda Koslowski e Guilherme Tâmega. Os dois já tiveram o gostinho de carregar o troféu de campeões mundiais.

Ascom
Fonte: oliberal.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here