destaque 596545 pscxvree - Paysandu arranca ponto fora de casa e se mantém no G4 da Série C
Time bicolor contou com Mota inspirado e garantiu um ponto fora de casa. (Foto: Reprodução / Instagram)

Jogando longe de casa, o Paysandu conseguiu arrancar um ponto precioso ao empatar em 0 a 0 contra o Volta Redonda-RJ, neste domingo (19), pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro da Série C. O resultado manteve o Lobo no G4 da competição.

VEJA COMO FOI O JOGO.

Cerca de 800 torcedores foram ao estádio da Cidadania e viram um primeiro tempo com iniciativa carioca. A defesa do Paysandu teve muito cuidado, principalmente na bola aérea, mas Mota mostrou segurança e justificaria mais tarde o porquê seria o destaque do jogo.

Sem criatividade e com passes errados, o Paysandu não conseguia dar trabalho ao goleiro Douglas Borges, enquanto que o Voltaço procurava atacar o gol bicolor. Num cruzamento despretensioso, o camisa 1 do Papão quase é surpreendido no cruzamento de Gedeilson.

A etapa final começou com o volume maior de jogo do Voltaço, mas o Paysandu já procurava ameaçar. Thiago Luis até tentou em cobrança de falta, mas a pontaria não estava em um bom dia.

Em bola na área, a arbitragem marcou pênalti no toque de mão de Micael e quando a torcida do Voltaço estava pronta para comemorar, lá estava Mota, que defendeu o tiro feito por João Carlos para festa da torcida bicolor.

O momento deu maior fôlego ao Paysandu, que teve sua jogada de perigo com Pimentinha. O jogador se livrou da defesa e chutou forte por cima do gol carioca e perdeu a chance do Papão sair com a vitória.

Se os três pontos não vieram, o ponto somado no RJ deixou o Paysandu com sete pontos, ao lado do Remo e um a menos que o Volta Redonda-RJ e o Juventude-RS, até então líderes da competição.

Pela Série C, o Papão joga no domingo (26), contra o Boa Esporte-MG, fora de casa, mas antes terá na quinta-feira (23), o Internacional-RS, pela Copa do Brasil.

VEJA OS LANCES

FICHA TÉCNICA

VOLTA REDONDA-RJ: Douglas Borges; Gedeilson, Heitor, Daniel Felipe e Luis Gustavo; Gelson, Bruno Barra, Luiz Paulo e Luciano Naninho (Vandinho); Douglas Lima e Saulo (João Carlos).

Técnico: Toninho Andrade

PAYSANDU: Mota; Tony, Micael, Victor Oliveira e Bruno Collaço; Willyam (Thiago Luis), Jhony Douglas, Diego Rosa (Pimentinha) e Thiago Primão; Jheimy (Vinicius Leite) e Nicolas.

Técnico: Leo Condé

ÁRBITRO: Luiz Claudio Sobral (PE)

ASSISTENTES: Ricardo Bezerra Chianca (PE) e José Daniel Torres (PE)

CARTÕES AMARELOS: Heitor, Luciano Naninho e Bruno Barra (VRE); Thiago Primão e Micael (PSC)

RENDA: R$ 5.680,00

PÚBLICO PAGANTE: 466

PÚBLICO TOTAL: 866

LOCAL: estádio Raulino de Oliveira, Volta Redonda (RJ)

(Diego Beckman/DOL)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here