A camada é feita com a polpa, cascas e sementes de outras frutas e vegetais

Por: AGROLINK –Leonardo Gottems

Uma empresa dos Estados Unidos desenvolveu um revestimento comestível que faz com que frutas e vegetais durem duas ou três vezes mais. Isso porque, cerca de um terço da comida produzida é desperdiçada e nunca chega à mesa e isso representa 1,3 bilhão de toneladas, aproximadamente 1 trilhão de dólares.

Nesse cenário, a empresa Apeel tem uma solução que poderia reverter esse efeito, já que ela desenvolveu um revestimento comestível, incolor, inodoro e insípido que faz com que os alimentos durem duas ou três vezes mais. A camada é feita com a polpa, cascas e sementes de outras frutas e vegetais em pó, eles são misturados com água e em seguida aplicadas por pulverização, imersão ou pincelagem, finalmente, deixa-se secar.

Com esta tecnologia, são promovidas práticas de cultivo mais sustentáveis, alimentos de melhor qualidade e menos resíduos. Esse revestimento age como uma barreira, que reduz a perda de água e limita a exposição ao ar, principais fatores na deterioração dos alimentos.

De acordo com seu fundador e CEO James Rogers nos EUA, 8 milhões de abacates já foram tratados com o produto da Apeel. Em testes-piloto, varejistas e fornecedores conseguiram reduzir o desperdício de alimentos em mais de 50% graças ao revestimento, segundo dados da empresa.

O grande desafio da Apeel é fazer com que produtores, comerciantes e consumidores comam algo que foi tratado dessa maneira, diz Danielle Nierenberg, presidente da Food Tank. O consumidor é muitas vezes exigente quando se trata de inovações relacionadas a alimentos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here